Que horas são?

domingo, julho 25, 2010

Pensamento machista ou ignorância?

Mesmo com toda a modernidade de hoje, ainda encontro homens que afirmam: Mulher só se apaixona por outra mulher, por que ainda não encontrou o homem certo? Para esses indivíduos o amor entre pessoas do mesmo sexo, só existe em novela e por que é ficção. São homens que se acham perfeitos e irresistíveis, que realmente acreditam nesta filosofia machista. No fundo seguem a risca a criação machista que receberam dos seus pais, onde ser hétero era a única coisa certa no mundo, daí tudo antigamente ser escondido, imagino como várias pessoas sofreram caladas, sem poder contar pra ninguém o amor que sentiam por outra pessoa do mesmo sexo.
Tenho 40 anos e na minha época os homossexuais já eram discriminados abertamente e hoje não é diferente, eles ainda são motivo de piadas maldosas, de cochichos e caras feias de gente ignorante, que não sabem cuidar da própria vida e ficam criticando a vida dos outros.
Quando eu morava numa cidade grande, via muito pouco desta tristeza da raça humana, agora morando em cidade pequena chega a doer o ouvido de tanta asneiras.
Quer um absurdo, faz pouco tempo uma jovem de seus 20 poucos anos foi para uma festinha em um sítio, coisa comum aqui, nesta festa ela resolveu ficar mais íntima de um rapaz do qual ela gostava faz tempo e acabou rolando o sexo, por incrível que possa parecer o rapaz, se é que se pode chamar um cara desse de rapaz, chamou mais 3 amigos pra fazerem sexo com a jovem, como ela não quis é claro, eles resolveram fazer a força, estupraram a moça e ela acabou internada. Vocês acreditam que vários homens da cidade dizem que ela foi culpada, que ela provocou os marginais para que a estuprassem e falam isso com a maior naturalidade, ai quando falo que a jovem poderia ser sua parente, a coisa muda de figura.
Chego a conclusão que ser mulher ou ser homossexual neste mundo, é uma constante luta para viver a própria vida. Ninguém tem o direito de meter o nariz da vida dos outros, nossas próprias vidas já são suficiêntementes complicadas para ainda querermos cuidar da do vizinho. Ah antes que me perguntem, a jovem está internada, mais fora de perigo, quanto aos marginais? Sabe como é, vivemos num país, infelizmente, cheio de impunidades. Mais ainda acredito na raça humana. Bjsss, comentem e ate amanhã.

4 comentários:

Joseph disse...

Olá Marcia,

Esse caso que você conta no seu texto, infelizmente acontece, e os violadores ainda escapam impunes.

E a opinião pública e até os tribunais continuam atribuindo a culpa à vítima.

Aqui há tempos uma moça estrangeira teve o azar de encontrar uns desses patifes, aqui em Portugal. O caso foi para Tribunal e os juizes ainda disseram que ela não devia ter-se aventurado no refúgio do macho latino.

Incrível não é? Mas ainda acontece, provavelmente ainda vão passar uma ou duas gerações para que mude tais formas de pensar.

Sobre a homosexualidade, aqui em Portugal já se podem casar pessoas do mesmo sexo!

Parabéns pelo seu artigo.

Abraços.

Rafael disse...

Poxa... realmente pensamentos como esse são mt vagos e sem fundamento. Mas nao generalize, nao sao todos os homens que pensam assim. E quanto a questao do homosexualismo. Eu nao serei hipocrita, nao consigo tratar com muita naturalidade, mas tbm nao sou desses que acham que so por ser homosexual a pessoa deixa de ser humana. Tera meu respeito da mesma forma, mas infelizmente, o que se ve hoje em dia sao mts bisexuais e homosexuais que na verdade fazem isso porque "entrou na moda". Por isso sou contra o incentivo ao homoseuxalismo em veiculos de comunicação. Se a pessoa nasce assim, nao ha problema nenhum, mas nao precisa ficar incentivando a isso.

E ja ao caso do estupro, realmente é ridiculo quem ainda defenda esses marginais.

Acessa ai http://www.leontextos.blogspot.com

Dih disse...

Olha seu texto é bem interessante viu !!

Eu confesso que ela da uma enorme agulhada em nós homens mais em quase tudo você tem razão !!!!

http://projetosdeumlouco.blogspot.com/

Marcia Willians disse...

Como disse no final do texto, ainda acredito na raça humana e não tive a intenção de generalizar, é claro em tudo na vida existe as exceções. Sei que muitos homens neste mundo não agem desta forma, e espero realmente que as gerações futuras sejam mais respeitosas com seus semelhantes. Bjss e obrigada por darem suas opiniões.